Thursday, June 11, 2009

Ginger cookies











Tenho a sorte de ter uma amiga da minha mãe que vai frequentemente à Suécia, pois o filho vive lá. Sempre que lá vai, traz-nos estas deliciosas bolachinhas. E quando o filho cá vem, ela também lhe pede para trazer uns pacotinhos. Descobri-as há uns anos, e costumava andar grande parte do ano à espera que ela lá fosse e as trouxesse. Mas desde que abriu o IKEA isso deixou de ser um problema, pois vendem-nas lá na lojinha deles. Além disso, os supermercados do El Corte Inglês também já as vendem, e em muitas variedades: chocolate, menta, cappuccino, laranja...
E o que têm estas bolachinhas de especial? Perguntam vocês. Eu digo que o que me cativa nelas é a combinação do gengibre com a canela e o cravinho. Acompanham deliciosamente com um chá, cappuccino ou mesmo um gelado.
Quando tiverem hipótese, comprem-nas, a sério! Vão adorar! Para os mais corajosos e amantes da culinária, existem imensas receitas na net. É só procurarem por: pepparkakor cookies. Pode ser que qualquer dia as faça ;)
A origem das bolachinhas remonta à Idade Média. Diz-se que as freiras começaram a fazê-las porque a combinação das especiarias ajudava na digestão. Na altura, muitas mais especiarias eram usadas: pimenta, cardamomo, anis, etc.. A receita foi evoluindo até aos nossos dias e são particularmente apreciadas no dia de Santa Lúcia (13 de Dezembro), não só na Escandinávia, como noutras zonas da Europa e EUA.
Aloha

2 comments:

Poppie said...

Eu adoro essas bolachas. As simples. Vou especialmente ao ikea compra-las. Comprei um pacote há uns dias que já se acabaram.

Ana said...

eheh esse é o problema das bolachas! acabam num instante... até os pacotes que me trazem da suécia de 500 gr, acabam rapidamente... =/